Jump to content


Sugestão de Total Rebalanceamento da Artilharia


  • Please log in to reply
55 replies to this topic

Yuriev #21 Posted Dec 16 2017 - 22:05

    Captain

  • Players
  • 54200 battles
  • 1,232
  • [YOUJO] YOUJO
  • Member since:
    04-25-2011

View Posthancelo, on Dec 13 2017 - 21:51, said:

 faça um favor jogue com artilharia e seja feliz, eu jogo e muito e sou feliz com  a destruição alheia:trollface:

 

Que boa ideia, porque todo mundo nao joga de artilharia? seria tao divertido ficar parado na base atirando do outro lado do mapa e falando que os outros tem q se mover quando voce mesmo nao se move 10 metros de onde nasceu...

 

hancelo, on Dec 13 2017 - 21:51, said:

 vc conhece o mapa onde ira ocorrer a batalha?, joga nele a tempos?, se joga, vc deve saber que existe uma coisa no ser uma que se chama ser previsível,ser previsível é o que vemos nas batalhas sempre indo pelo mesmo caminho fazendo as mesmas atitudes que sempre fez nas batalhas anteriores, isso ocorrendo é facil saber o que ira fazer e fica mais facil ainda a destruição dele.

 

 Nossa, e quase como se tivessemos escolha, quase como se os mapas nao fossem basicamente 3 corredores com areas ou inacessiveis ou inuteis entre eles... :ohmy:

 

Jogadores de artilharia sempre com otimas ideias, vou pegar um pesado e ir onde se vai de medio e vice versa. Vou ser aniquilado pelo time inimigo que esta sendo "previsivel", mas pelomenos o jogador de arty na visao deus la de cima vai pensar: "-Nossa, que cara imprevisivel, mal pude ver seus movimentos".

 

 



hancelo #22 Posted Dec 17 2017 - 02:09

    First lieutenant

  • Players
  • 17676 battles
  • 750
  • [R0TA] R0TA
  • Member since:
    05-11-2011
discordo de vc yuriev,um veiculo que foi colocado no jogo para um determinado fim que é auxiliar o seu time, fico atras mas auxilio com poder de fogo e eles não foram feitos para andar o mapa como um T71 ou um elc, e sendo bem sincero a artilharia dependendo do mapa é de facil destruição

Tomateverde #23 Posted Dec 17 2017 - 09:19

    Sergeant

  • -Players-
  • 8154 battles
  • 104
  • [PDABR] PDABR
  • Member since:
    09-28-2017
As artilharias  devem ser mantidas http://wotlabs.net/s...e/signature.png

Tulky_iron #24 Posted Dec 17 2017 - 16:54

    Corporal

  • -Players-
  • 7351 battles
  • 33
  • [PDABR] PDABR
  • Member since:
    01-14-2017
eu gostava y preferia quando era hitkill de 7 tiro 1 acertava com muita dificuldade a vezes terminava partida sem acertar nada demorei pra me acostumar a ese novo jeito ja q quando modificarão tava muito tosco praticamente so tinha baixado o dano o resto segui igual, reload y preço da munição, o unico q nao gosto e q de 2 a 4 y alguns 5 são muito impreciso nos tiro pela falta do splash 

AgentePM22 #25 Posted Dec 18 2017 - 02:21

    Staff sergeant

  • Players
  • 37421 battles
  • 491
  • Member since:
    01-18-2013

View PostTomateverde, on Dec 17 2017 - 05:19, said:

As artilharias  devem ser mantidas http://wotlabs.net/s...e/signature.png

 

Que rerol mais mal feita e ainda farmou 50% das batalhas de Type 64 kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

faelpz97 #26 Posted Dec 18 2017 - 19:19

    Staff sergeant

  • -Players-
  • 13348 battles
  • 375
  • Member since:
    07-29-2014
 

View Posthancelo, on Dec 16 2017 - 08:20, said:

 

 

vc conhece o mapa onde ira ocorrer a batalha?, joga nele a tempos?, se joga, vc deve saber que existe uma coisa no ser uma que se chama ser previsível,ser previsível é o que vemos nas batalhas sempre indo pelo mesmo caminho fazendo as mesmas atitudes que sempre fez nas batalhas anteriores, isso ocorrendo é facil saber o que ira fazer e fica mais facil ainda a destruição dele.

 

Legal cara, mas me diz uma coisa: Se as batalhas são tão previsíveis por que ainda há tantos noobs no jogo? Se for seguir seu raciocínio não deveriam existir mais tomates, já que desde o início cada jogador saberia onde determinado tanque se posicionaria, quais atitudes tomar até o final da partida como se não ocorressem variáveis,  ou seja, a "fórmula secreta da partida dos sonhos". Uma coisa te digo: Se o jogo fosse realmente previsível pode ter certeza de que o mesmo não teria graça.


Edited by faelpz97, Dec 18 2017 - 19:21.


faelpz97 #27 Posted Dec 18 2017 - 20:19

    Staff sergeant

  • -Players-
  • 13348 battles
  • 375
  • Member since:
    07-29-2014

View PostTomateverde, on Dec 17 2017 - 05:19, said:

As artilharias  devem ser mantidas http://wotlabs.net/s...e/signature.png

 

Limão verde, é você? :trollface:

V_A_C_A #28 Posted Dec 18 2017 - 20:38

    Captain

  • -Players-
  • 21686 battles
  • 1,667
  • Member since:
    06-02-2015
Não adianta tentar dialogar com quem já tem ideia pré-formada.
As artilharias causaram a maioria das baixas na WWII, e justamente por isso eram odiadas por quem recebiam os tiros, mas quem recebia seu apoio agradecia.
Permanecem sendo temidas até hoje, incluindo as Koksan da Coréia do Norte, com alcance para chegar a Seul, capital da Coréia do Sul.
Diferentemente do jogo, na vida real as arties não sofrem nerf, e quanto maior o calibre, maior o dano.
Após o Patch 9.18, um tiro de 240mm da T92 HMC dando bounce em um Maus... E ainda falam que as artilharias no jogo não são realistas. Talvez ressuscitar um membro da tripulação, com o apertar de um botão, seja realismo. Ou consertar uma lagarta com o apertar de um botão. Ou consertar o cano de um tanque, em plena batalha, com o apertar de um botão.
Talvez as artilharias não devessem ter mira "de satélite", ou "mira por cima" e darem blindshots... Os aliados que vão acabar recebendo os tiros agradeceriam muito...

O jogo já existe há 7 anos, e as artilharias estão presentes desde o início, até pq as artilharias russas tiveram papel importantíssimo na WWII.
Se a empresa desenvolvedora do jogo resolveu colocá-las no jogo, e bolaram esse meio de mira, aceitem as regras de como o jogo se impõe, ao invés de tentar mudar a regra 7 anos depois de o jogo ter sido lançado.

UraiFen #29 Posted Dec 21 2017 - 04:51

    Sergeant

  • -Players-
  • 12248 battles
  • 123
  • Member since:
    10-20-2015

View PostV_A_C_A, on Dec 18 2017 - 20:38, said:

Não adianta tentar dialogar com quem já tem ideia pré-formada.
As artilharias causaram a maioria das baixas na WWII, e justamente por isso eram odiadas por quem recebiam os tiros, mas quem recebia seu apoio agradecia.
Permanecem sendo temidas até hoje, incluindo as Koksan da Coréia do Norte, com alcance para chegar a Seul, capital da Coréia do Sul.
Diferentemente do jogo, na vida real as arties não sofrem nerf, e quanto maior o calibre, maior o dano.
Após o Patch 9.18, um tiro de 240mm da T92 HMC dando bounce em um Maus... E ainda falam que as artilharias no jogo não são realistas. Talvez ressuscitar um membro da tripulação, com o apertar de um botão, seja realismo. Ou consertar uma lagarta com o apertar de um botão. Ou consertar o cano de um tanque, em plena batalha, com o apertar de um botão.
Talvez as artilharias não devessem ter mira "de satélite", ou "mira por cima" e darem blindshots... Os aliados que vão acabar recebendo os tiros agradeceriam muito...

O jogo já existe há 7 anos, e as artilharias estão presentes desde o início, até pq as artilharias russas tiveram papel importantíssimo na WWII.
Se a empresa desenvolvedora do jogo resolveu colocá-las no jogo, e bolaram esse meio de mira, aceitem as regras de como o jogo se impõe, ao invés de tentar mudar a regra 7 anos depois de o jogo ter sido lançado.

 

Cada um com sua opinião. Mas será que só porque uma mecânica esteja presente em um jogo a tanto tempo o deixa imune a qualquer crítica ou reclamação?

V_A_C_A #30 Posted Dec 21 2017 - 13:10

    Captain

  • -Players-
  • 21686 battles
  • 1,667
  • Member since:
    06-02-2015

View PostUraiFen, on Dec 21 2017 - 00:51, said:

 

Cada um com sua opinião. Mas será que só porque uma mecânica esteja presente em um jogo a tanto tempo o deixa imune a qualquer crítica ou reclamação?

 

Claro que não.
Mas após sucessivas medidas tomadas ao longo dos anos (pelo que me consta, as medidas tomadas no Patch 9.18 são o quarto nerf), esta classe está praticamente "injogável".
Não vou fazer ataques pessoais, pois é uma atitude reprovável e pouco madura em um fórum, mas existem jogadores que somente querem que suas classes permaneçam no jogo. Pura e simplesmente isso. Não há outra alternativa, na cabeça destas pessoas, que contemple a presença da classe de artilharia no jogo.
Para esse tipo de pessoa, só irão existir críticas ou reclamações.
O que se está discutindo aqui é "arranjar uma solução" para atender os anseios deste tipo de pessoa.
Após quatro nerfs, quantos mais serão necessários para tornar a classe injogável? Quantas medidas mais serão necessárias para fazer com que os jogadores deixem de jogar essa classe?
São as respostas à essas duas perguntas que aquele tipo de pessoa está querendo.

E, claro, se aparecer um jogador desta classe, para tentar argumentar... Ele estará sujeito a receber bullying por pessoas imaturas que participam tanto do jogo como no fórum.

Alguns jogadores dizem que as artilharias são o "antijogo".
Antijogo, para mim, é quem dá TK logo no início de partida, pelas costas.
Antijogo, para mim, é quem ofende um jogador inexperiente que fez uma pergunta em que a resposta é trivial.
Antijogo, para mim, é quem leva o jogo tão a sério, que começa a rastrear as informações da pessoa para descobrir quem ela é na vida real, e que começa a usar isso contra ela e a família dela (doxing).
O jogo deveria ter o propósito de ser divertido, mas muitos o tornam uma forma para descontar suas frustrações da vida real, e tentam descontar em quem aparece pela frente. Isto é antijogo.
Talvez seja reflexo da falta de educação.

hancelo #31 Posted Dec 22 2017 - 17:04

    First lieutenant

  • Players
  • 17676 battles
  • 750
  • [R0TA] R0TA
  • Member since:
    05-11-2011

View Postfaelpz97, on Dec 18 2017 - 15:19, said:

 

 

Legal cara, mas me diz uma coisa: Se as batalhas são tão previsíveis por que ainda há tantos noobs no jogo? Se for seguir seu raciocínio não deveriam existir mais tomates, já que desde o início cada jogador saberia onde determinado tanque se posicionaria, quais atitudes tomar até o final da partida como se não ocorressem variáveis,  ou seja, a "fórmula secreta da partida dos sonhos". Uma coisa te digo: Se o jogo fosse realmente previsível pode ter certeza de que o mesmo não teria graça.

 

mas é previsivel,vc sabe onde ficam as artilharias, vc sabe onde os tanks irão avançar e onde ficam os pesados, o que vc não sabe é a atitude do jogador em relação a batalha e isso não caracteriza ser previsivel, é o mesmo que vc ir ao trabalho, sempre o mesmo caminho , mas a sua atitude ao que ocorre na rua isso ninguem pode prever

BismarckderTeufel #32 Posted Dec 24 2017 - 00:03

    Corporal

  • -Players-
  • 27258 battles
  • 26
  • Member since:
    07-29-2015

View PostV_A_C_A, on Dec 18 2017 - 20:38, said:

Não adianta tentar dialogar com quem já tem ideia pré-formada.
As artilharias causaram a maioria das baixas na WWII, e justamente por isso eram odiadas por quem recebiam os tiros, mas quem recebia seu apoio agradecia.
Permanecem sendo temidas até hoje, incluindo as Koksan da Coréia do Norte, com alcance para chegar a Seul, capital da Coréia do Sul.
Diferentemente do jogo, na vida real as arties não sofrem nerf, e quanto maior o calibre, maior o dano.
Após o Patch 9.18, um tiro de 240mm da T92 HMC dando bounce em um Maus... E ainda falam que as artilharias no jogo não são realistas. Talvez ressuscitar um membro da tripulação, com o apertar de um botão, seja realismo. Ou consertar uma lagarta com o apertar de um botão. Ou consertar o cano de um tanque, em plena batalha, com o apertar de um botão.
Talvez as artilharias não devessem ter mira "de satélite", ou "mira por cima" e darem blindshots... Os aliados que vão acabar recebendo os tiros agradeceriam muito...

O jogo já existe há 7 anos, e as artilharias estão presentes desde o início, até pq as artilharias russas tiveram papel importantíssimo na WWII.
Se a empresa desenvolvedora do jogo resolveu colocá-las no jogo, e bolaram esse meio de mira, aceitem as regras de como o jogo se impõe, ao invés de tentar mudar a regra 7 anos depois de o jogo ter sido lançado.

 

Meu amigo, há algum tempo vejo seus comentários (super produtivos) mas neste eu tenho que discordar! Na 2° guerra e hoje em 2017 (quase 2018) NÃO existe artilharia auto propulsada capaz de acertar um veículo de 8 metros de comprimento! Então o argumento de que "artilharia causou as maiores baixas na guerra" não cola! As baixas eram causadas por fogo de supressão, como o causado por soviéticos avançando pela linha Vistula-Oder atirando mais de 10.000 peças variadas ao mesmo tempo!

Edited by BismarckderTeufel, Dec 24 2017 - 00:04.


V_A_C_A #33 Posted Dec 24 2017 - 05:52

    Captain

  • -Players-
  • 21686 battles
  • 1,667
  • Member since:
    06-02-2015

View PostBismarckderTeufel, on Dec 23 2017 - 20:03, said:

 

Meu amigo, há algum tempo vejo seus comentários (super produtivos) mas neste eu tenho que discordar! Na 2° guerra e hoje em 2017 (quase 2018) NÃO existe artilharia auto propulsada capaz de acertar um veículo de 8 metros de comprimento! Então o argumento de que "artilharia causou as maiores baixas na guerra" não cola! As baixas eram causadas por fogo de supressão, como o causado por soviéticos avançando pela linha Vistula-Oder atirando mais de 10.000 peças variadas ao mesmo tempo!

 

Como mencionaste "hoje em 2017 (quase 2018)", permita-me esclarecer que até morteiros (arma de infantaria) já possuem capacidade de atacar um alvo em específico.
O "já", em questão, é um morteiro desenvolvido não nesta década, mas no início da década de 90. Mais de 20 anos atrás...


Eu não queria trazer aqui pro fórum, visto ele ter uma capacidade fenomenal de espalhar acidez, mas as artilharias foram usadas, sim, na função antitanque na WWII.

 

UraiFen #34 Posted Dec 24 2017 - 05:52

    Sergeant

  • -Players-
  • 12248 battles
  • 123
  • Member since:
    10-20-2015

Como disse antes, cada um com sua opinião. Eu  já não gosto de artilharia, por isso não jogo com elas.

 

Agora elas não estão fazendo dano como antes, mas estão mais precisas e tem stun agora.....como isso deixou elas injogáveis? O pessoal continua fazendo bastantes pontos e experiencia com elas, só que ao invés de ser através de dano bruto, é por outros meios.

 

View PostV_A_C_A, on Dec 18 2017 - 20:38, said:

Não adianta tentar dialogar com quem já tem ideia pré-formada.
As artilharias causaram a maioria das baixas na WWII, e justamente por isso eram odiadas por quem recebiam os tiros, mas quem recebia seu apoio agradecia.
Permanecem sendo temidas até hoje, incluindo as Koksan da Coréia do Norte, com alcance para chegar a Seul, capital da Coréia do Sul.
Diferentemente do jogo, na vida real as arties não sofrem nerf, e quanto maior o calibre, maior o dano.
Após o Patch 9.18, um tiro de 240mm da T92 HMC dando bounce em um Maus... E ainda falam que as artilharias no jogo não são realistas. Talvez ressuscitar um membro da tripulação, com o apertar de um botão, seja realismo. Ou consertar uma lagarta com o apertar de um botão. Ou consertar o cano de um tanque, em plena batalha, com o apertar de um botão.
Talvez as artilharias não devessem ter mira "de satélite", ou "mira por cima" e darem blindshots... Os aliados que vão acabar recebendo os tiros agradeceriam muito...

O jogo já existe há 7 anos, e as artilharias estão presentes desde o início, até pq as artilharias russas tiveram papel importantíssimo na WWII.
Se a empresa desenvolvedora do jogo resolveu colocá-las no jogo, e bolaram esse meio de mira, aceitem as regras de como o jogo se impõe, ao invés de tentar mudar a regra 7 anos depois de o jogo ter sido lançado.

 

t92 dando bounce em Maus? Acredito que seu tiro deve ter acertado o canhão do Maus, apenas o danificando. Pois várias t92 arrancam quase 400 de dano no meu E100 normalmente.

 

Enfim, eu não gosto de artys, por isso não jogo com elas. Eu considero elas completamente sem graça de jogar. Qual é a graça de ficar na base apenas usando o mause para jogar? Isso não cria nenhuma habilidade como jogar de pesado ou leve.... Mas se o cara gosta....deixa ele jogar. Eu não vejo necessidade de criar vários tópicos no fórum reclamando disso.


Edited by UraiFen, Dec 24 2017 - 21:50.


V_A_C_A #35 Posted Dec 24 2017 - 05:58

    Captain

  • -Players-
  • 21686 battles
  • 1,667
  • Member since:
    06-02-2015

View PostUraiFen, on Dec 24 2017 - 01:52, said:

t92 dando bouce em Maus? Acredito que seu tiro deve ter acertado o canhão do Maus, apenas o danificando. Pois várias t92 arrancam quase 400 de dano no meu E100 normalmente.

 

Foram vários tiros. Não foi um só. Se fosse um só, seria desconsiderável.

Yuriev #36 Posted Dec 24 2017 - 21:00

    Captain

  • Players
  • 54200 battles
  • 1,232
  • [YOUJO] YOUJO
  • Member since:
    04-25-2011

O que essa vaca nao entende e que artilharia nao e uma arma anti tanque.... howitzers sao absolutamente ineficazes contra tanques, tanto e que canhoes de fogo direto foram desenvolvidos para dar a unidades opçoes anti tanque. O uso de artilharia para atingir veiculos era exceção e nao regra. Claro que se um obuz de 203mm atingir diretamente um tanque ira destrui-lo, mas imagina a dificuldade que e para um "spotter" na linha de frente transmitir as coordenadas exatas de um veiculo em movimento para um canhao quilometros de distancia... Se fosse possivel ou comum nao haveriam mais tanques ja que as peças de artilharia chegavam as centenas de milhares para os dois lados do conflito... Artilharia e peça de saturaçao em area, nao atira em objetos especificos. Artilharia e arma anti infantaria, fica dias atirando numa area para aos poucos ir minando a resistencia. E hilario que exista no world of tanks onde nem infantaria existe. 

 

Voce quer uma grande carga explosiva que atinja algo com precisao? So existem as seguintes alternativas: Bombardeiro de mergulho, sturmoviks, stukas, thunderbolts e outras plataformas aereas.



V_A_C_A #37 Posted Dec 25 2017 - 15:44

    Captain

  • -Players-
  • 21686 battles
  • 1,667
  • Member since:
    06-02-2015

View PostYuriev, on Dec 24 2017 - 17:00, said:

O que essa vaca nao entende e que artilharia nao e uma arma anti tanque.... howitzers sao absolutamente ineficazes contra tanques, tanto e que canhoes de fogo direto foram desenvolvidos para dar a unidades opçoes anti tanque. O uso de artilharia para atingir veiculos era exceção e nao regra. Claro que se um obuz de 203mm atingir diretamente um tanque ira destrui-lo, mas imagina a dificuldade que e para um "spotter" na linha de frente transmitir as coordenadas exatas de um veiculo em movimento para um canhao quilometros de distancia... Se fosse possivel ou comum nao haveriam mais tanques ja que as peças de artilharia chegavam as centenas de milhares para os dois lados do conflito... Artilharia e peça de saturaçao em area, nao atira em objetos especificos. Artilharia e arma anti infantaria, fica dias atirando numa area para aos poucos ir minando a resistencia. E hilario que exista no world of tanks onde nem infantaria existe. 

 

Voce quer uma grande carga explosiva que atinja algo com precisao? So existem as seguintes alternativas: Bombardeiro de mergulho, sturmoviks, stukas, thunderbolts e outras plataformas aereas.

 

Não precisa acreditar no que digo.
Mas podes ouvir outras fontes falando a respeito, não é mesmo?



Fonte: http://sill-www.army.mil/firesbulletin/archives/2002/NOV_DEC_2002/NOV_DEC_2002_FULL_EDITION.pdf



Yuriev #38 Posted Dec 25 2017 - 18:29

    Captain

  • Players
  • 54200 battles
  • 1,232
  • [YOUJO] YOUJO
  • Member since:
    04-25-2011

View PostV_A_C_A, on Dec 25 2017 - 15:44, said:

 

Não precisa acreditar no que digo.
Mas podes ouvir outras fontes falando a respeito, não é mesmo?

 

Obrigado por provar meu ponto. Teu artigo admite que nos ciculos militares existe um grande argumento de que artilharias nao sao eficazes contra tanques (o artigo tenta desmistificar justamente essa teoria). O artigo relata que analistas americanos consideravam que apenas impactos diretos teriam qualquer efeito em tanques, portanto seria nescessaria uma imensa quantidade de fogo concentrado para se obter resultados tangiveis contra uma formaçao blindada inimiga (fala-se em 50 impactos para se destruir um tanque). A teoria do autor e de que nao se levou em conta que projeteis de grosso calibre (152mm ou maior) tambem tem efeito mesmo se atingirem 30 metros do alvo, destruindo mecanismos externos dos tanques como esteiras, periscopios, canhoes, etc.

 

O que o autor discorre portanto e que se subestimou os efeitos da artilharia sobre tanques no ocidente, mas ele proprio nao traz nenhuma estimativa, apenas afirma que os bancos de dados estao desatualizados.


Edited by Yuriev, Dec 25 2017 - 18:31.


V_A_C_A #39 Posted Dec 25 2017 - 18:49

    Captain

  • -Players-
  • 21686 battles
  • 1,667
  • Member since:
    06-02-2015

View PostYuriev, on Dec 25 2017 - 14:29, said:

 

Obrigado por provar meu ponto. Teu artigo admite que nos ciculos militares existe um grande argumento de que artilharias nao sao eficazes contra tanques (o artigo tenta desmistificar justamente essa teoria). O artigo relata que analistas americanos consideravam que apenas impactos diretos teriam qualquer efeito em tanques, portanto seria nescessaria uma imensa quantidade de fogo concentrado para se obter resultados tangiveis contra uma formaçao blindada inimiga (fala-se em 50 impactos para se destruir um tanque). A teoria do autor e de que nao se levou em conta que projeteis de grosso calibre (152mm ou maior) tambem tem efeito mesmo se atingirem 30 metros do alvo, destruindo mecanismos externos dos tanques como esteiras, periscopios, canhoes, etc.

 

O que o autor discorre portanto e que se subestimou os efeitos da artilharia sobre tanques no ocidente, mas ele proprio nao traz nenhuma estimativa, apenas afirma que os bancos de dados estao desatualizados.

 

Apenas corrigindo:
- O artigo não é meu. É de um Major reformado do US Army.
- Os "círculos militares" em questão é referente ao que era pensado pelo US Army, ao contrário do que é pensado no Exército Russo.
- A teoria do autor foi posta à prova, e ele mostrou os resultados por meio de imagens.
- A partir daí elaborou sua conclusão, e ainda resolveu desmistificar algumas afirmações, agora baseando-se em fatos extraídos do campo de provas.

Claro que cada um faz a leitura que melhor lhe convier.

Yuriev #40 Posted Dec 26 2017 - 06:05

    Captain

  • Players
  • 54200 battles
  • 1,232
  • [YOUJO] YOUJO
  • Member since:
    04-25-2011

View PostV_A_C_A, on Dec 25 2017 - 18:49, said:

 

Apenas corrigindo:
- O artigo não é meu. É de um Major reformado do US Army.

 

Obvio, teu artigo se refere ao artigo que voce trouxe, nao o artigo que voce fez. Em nenhum momento eu cheguei sequer a cogitar que voce seria um especialista em estudos militares.

 

V_A_C_A, on Dec 25 2017 - 18:49, said:

- A teoria do autor foi posta à prova, e ele mostrou os resultados por meio de imagens.

 

Imagens nao podem provar sem apoio estatistico, nao ha qualquer estatistica no artigo. Uma foto de jabuti em cima de uma arvore nao prova que jabutis sao habeis escaladores. Como disse, o artigo estabelece que as estatisticas do exercito americano estao erradas mas nao mostra nenhuma nova estatistica, apenas afirma que "as existentes sao incorretas". As fotos servem de demonstraçao de que impacto indireto tambem e capaz de causar dano consideravel, e disso eu nunca duvidei. Use a logica. Subestimar algo nao significa que a coisa subestimada ira se sobrepor. Se eu subestimo sua força nao quer dizer que voce e forte, apenas que voce e mais forte do que pensei. 

 

Os analistas americanos subestimaram o dano causado pelo impacto proximo, isso nao quer dizer que ainda seja uma boa ideia alocar artilharia como forma de conter um avanço blindado. 

 

V_A_C_A, on Dec 25 2017 - 18:49, said:


- A partir daí elaborou sua conclusão, e ainda resolveu desmistificar algumas afirmações, agora baseando-se em fatos extraídos do campo de provas.
 

 

A conclusao foi que artilharias sao subestimadas e cabe ao pessoal responsavel fazer uso do que tem a disposiçao da melhor maneira possivel.... obvio. O fato das peças nao serem ideais para enfrentar tanques nao siginifica que nao se deva tentar usa-las...

 

No aguardo de provas que demonstrem que artilharias sao eficazes no combate a veiculos blindados.

 






1 user(s) are reading this topic

0 members, 0 guests, 0 anonymous users